Os-males-dos-tabagismo-para-o-seu-organismo-TRANSA-TRANSPORTE1

Os males do tabagismo para o seu organismo

O vício no tabaco é um problema enfrentado por 9,3% da população brasileira. Os dados são de 2018 e fazem parte do estudo do Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel). Apesar do resultado ser o mais baixo desde o início das pesquisas, o tabagismo continua a ceifar milhares de vidas todos os anos. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), diariamente, 428 pessoas morrem no Brasil devido a complicações de doenças ocasionadas pelo consumo do tabaco.

Tabagismo e fator de risco

O tabagismo é fator de risco para o desenvolvimento do câncer de pulmão, um dos mais recorrentes no país. Além disso, o hábito de fumar está relacionado com a incidência de outras doenças, como doenças cardíacas; doença pulmonar obstrutiva crônica – DPOC; pneumonia; acidente vascular cerebral – AVC, entre outras.

A receita para melhorar a qualidade de vida

De acordo com estimativas do INCA, abandonar o cigarro significa fazer uma escolha pelo seu futuro, e os benefícios são sentidos minutos após essa decisão. Confira os benefícios imediatos de parar de fumar

  • Apenas 20 minutos após parar de fumar, a pressão sanguínea e a pulsação são normalizadas;
  • Após 2 horas, não há mais nicotina circulando no sangue;
  • Após 8 horas, o nível de oxigênio no sangue se normaliza;
  • Após 12 a 24 horas, os pulmões já funcionam melhor;
  • Após 2 dias, o olfato e o paladar funcionam melhor;
  • Após 3 semanas, a respiração se torna mais fácil e a circulação melhora;
  • Após 1 ano, o risco de morte por infarto do miocárdio é reduzido pela metade;
  • Após 10 anos, o risco de sofrer infarto será igual ao das pessoas que nunca fumaram.

Quanto mais cedo você parar de fumar menor o risco de adoecer e sofrer com as complicações decorrentes deste péssimo hábito.

Vale destacar que o SUS oferece o tratamento gratuito para quem tem dificuldade em parar de fumar. Basta o interessado comparecer a uma unidade de saúde e se informar sobre os programas de combate ao fumo.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.