Como curtir o carnaval numa boa

Como curtir o carnaval numa boa

Chegou aquela época do ano esperada com ansiedade por muitos: o carnaval. Tem gente que conta os dias para entrar no clima da festa e aproveitar o máximo cada minuto. Pensando nisso, preparamos uma matéria com algumas dicas para curtir o carnaval numa boa.

Dicas para curtir o carnaval

1 – Não leve mais do que o necessário

Para entrar na folia sem se preocupar é importante levar apenas o necessário. Uma garrafinha dá água, protetor solar se for acompanhar os blocos durante o dia, documento de identificação e um celular mais básico.

Não é recomendado levar o smartphone, joias, câmeras e outros objetos de valor. Esses pertences chamam a atenção de pessoas má intencionadas que podem aproveitar o momento e realizar furtos. Deixe tudo de valor em casa.

2 – Proteja o essencial

Como mencionamos acima, evite portar objetos de valor.  Para não ter que ficar segurando nada nas mãos e bolsos, vale a pena apostar nas pochetes. Sim, elas voltaram à moda e são ótimas pedidas para guardar seus pertences enquanto aproveita a folia.

Outra opção discreta para guardar objetos, principalmente documentos, cartão e dinheiro são as doleiras. Elas são ainda mais compactas e podem ser facilmente ocultas pelas vestimentas. Aqui vale a dica para manuseá-las somente em banheiros e outros locais fora da vista de estranhos.

Cuidados especiais

3 – Não se afaste de familiares e amigos

Se perder durante a passagem de blocos não é legal. Diante de uma festa que atrai milhares d pessoas, o ideal é sempre ir acompanhado de amigos e familiares. Nesse caso, se precisar ir ao banheiro ou comprar alguma coisa, avise e peça para que eles o acompanhem.

Também vale a pena marcar um ponto de encontro para o caso de vocês se perderem. Assim, a volta pra casa fica mais fácil.

4 – Atenção às crianças

Quem for levar criança para ver os desfiles de escolas ou seguir os blocos de rua, é importante colocar pulseirinhas de identificação nelas. As pulseiras devem conter o nome da criança, o de um responsável e um telefone para contato. Dessa forma, caso ela se perca, fica mais fácil que alguém entre em contato ao encontra-la.

Vale a pena também combinar com a criança antes algumas regras de comportamento. Nada de correr ou se afastar dos responsáveis. Em caso de perda, para crianças um pouco mais velhas, ensiná-las como buscar ajuda.

Gostou das dicas? Então não perca segunda parte desta matéria, onde ensinaremos mais algumas orientações.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.